Buscar
  • À Sua Saúde

O que Sabemos até Agora sobre o Novo Coronavírus. Part. 2:



Declarado emergência global:


O novo coronavírus foi declarado uma emergência global pela Organização Mundial da Saúde (OMS), à medida que o surto continua se espalhando para fora da China.


"O principal motivo dessa declaração não é o que está acontecendo na China, mas o que está acontecendo em outros países", disse o chefe da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus.


A preocupação é que ela possa se espalhar para países com sistemas de saúde mais fracos.


Enquanto isso, os EUA disseram a seus cidadãos para não viajarem para a China.



O departamento de estado americano emitiu um aviso de nível quatro pedindo aos americanos que "reconsiderassem" as viagens à China.


Número de infecções e mortes:


Pelo menos 213 pessoas na China morreram com o vírus, com quase 10.000 casos em todo o país.


A OMS afirma haver mais 98 casos em 18 outros países, mas nenhuma morte.


A maioria dos casos internacionais ocorre em pessoas que estiveram em Wuhan, China.


No entanto, em oito casos - na Alemanha, Japão, Vietnã e Estados Unidos - os pacientes foram infectados por pessoas que viajaram para a China.



Vários países tomaram medidas para fechar fronteiras ou cancelar voos, e empresas como Google, Ikea, Starbucks e Tesla fecharam suas lojas ou interromperam as operações.


Por que é pior que a gripe normal?


As 170 mortes de cerca de 7.700 casos relatados significam que a taxa de mortalidade é de cerca de 2%. No entanto, é provável que isso seja uma superestimação, pois muitas pessoas provavelmente foram infectadas pelo vírus, mas não sofreram sintomas graves o suficiente para comparecer ao hospital e, portanto, não foram contadas.


Para comparação, a gripe sazonal normalmente tem uma taxa de mortalidade abaixo de 1% e acredita-se que cause cerca de 400.000 mortes por ano em todo o mundo. Sars teve uma taxa de mortalidade superior a 10%. Outra chave desconhecida, da qual os cientistas devem ter uma ideia mais clara nas próximas semanas, é quão contagioso é o coronavírus.



Uma diferença crucial é que, diferentemente da gripe, não existe vacina para o novo coronavírus, o que significa que é mais difícil para os membros vulneráveis da população - idosos ou pessoas com problemas respiratórios ou imunológicos - se protegerem.


Lavar as mãos e evitar outras pessoas, se você se sentir mal, são importantes.



O que acontece se o vírus chegar a um país que não consiga lidar com a situação?


Muitos países de baixa e média renda simplesmente não possuem as ferramentas para identificá-lo ou contê-lo. O medo é que ele possa se espalhar incontrolavelmente e que possa passar despercebido por algum tempo.



Lembre-se de que esta é uma doença que surgiu apenas no mês passado - e, no entanto, já existem quase 10.000 casos confirmados na China.


O surto de Ebola de 2014 na África Ocidental - o maior da história - mostrou como os países mais pobres podem ser facilmente dominados por esses surtos.


E se o novo coronavírus conseguir uma posição significativa nesses lugares, seria incrivelmente difícil de conter.


Ainda não estamos nesse estágio - 99% dos casos estão na China e a OMS está convencida de que o país pode controlar o surto no país.


Mas declarar uma emergência global permite à OMS apoiar países de renda baixa e média a fortalecer sua vigilância de doenças - e prepará-los para os casos.



Fonte:BBC/TheGuardian.

86 visualizações

(21) 2511-1101

©2019 por À Sua Saúde. Orgulhosamente criado com Wix.com